HOME O BRINCANTE PÚBLICOS CURSOS CONTRATE O BRINCANTE CEDOC EVENTOS NOTÍCIAS CLIPPINGS EQUIPE

03.06.2019 » BRINCANTE MUSICAL | ROGERIO SANTOS | 12/7 »

O show apresenta canções inéditas e autorais do letrista, compositor e cantor Rogerio Santos com arranjos criados pelos violonistas Italo Peron e Cláudio Duarthe para parcerias de Rogerio com Ian Faquini, Lucina Carvalho, Anna Paes e Danny Green (entre outros). As peças fazem parte do CD “A palavra e o poeta”, em fase de produção, além de canções do CD “Crônicas Paulistanas” (2012). Rogerio traz como convidado especial o também parceiro e violonista Matheus Mafra.

 

Rogerio Santos– poeta, letrista, cantor, compositor. Lançou o CD “Crônicas Paulistanas” (2012). Estudou canto com Regina Machado por mais 10 anos. Tem como parceiros: Pituco Freitas, Floriano Villaça, Italo Peron, Lucina Carvalho, Ian Faquini, Giovanni Iasi, Alexandre Lemos, Andréa dos Guimarães, Anna Paes e Katya Teixeira, entre outros. Possui canções gravadas em trabalhos de outros artistas e grupos, no Brasil e no exterior, entre eles: Sérgio Santos (CD Monduland, de Túlio Araújo), Conversa Ribeira (CD Águas Memórias), Katya Teixeira (CD “As Flores do Meu Terreiro”), Pituco Freitas (CD “Pituco Freitas”, Japão), Danny Green (CD “A Thousand Ways Home”,EUA), Fjoralba Turku (“Minha Terra”, França/Alemanha). Passou importantes palcos de São Paulo, entre eles; Itau Cultural, unidades do SESC e do SESI e Casa do Núcleo. Atualmente produz seu segundo CD “A palavra e o poeta” ao lado dos violonistas Italo Peron e Cláudio Duarthe, previsto para o início de 2020.

 

Italo Peron - violonista, compositor, arranjador e produtor musical, tem atuado junto a grandes nomes da música brasileira  ao longo de 40 anos de carreira ( Paulo Vanzolini, Francis Hime, Eduardo Gudin, Márcia, Roberta Miranda e Carlinhos Vergueiro entre muitos outros), em gravações de discos, trilhas e apresentações em shows, destacando-se seu trabalho como produtor musical e arranjador da  Antologia "Acerto de Contas de Paulo Vanzolini".

 

Cláudio Duarthe - violonista, cantor, compositor e produtor musical. Iniciou sua carreira nos anos 80 em Londrina PR. Atuou em vários espaços culturais da cidade de São Paulo, Interior e diversas capitais do país, além de alguns países da Europa como: Espanha, Portugal, Itália, Suécia e Dinamarca. Acompanhou e/ou gravou com os artistas: Alaíde Costa, Jair Rodrigues, Maricene Costa, Paulo Moura, Zezé Mota, Zé Luis Mazziotti entre outros.

 

Matheus Mafra é cancionista. Suas composições têm sido interpretadas por nomes da nova geração, como Angélica Duarte, Luisa Lacerda e Salma Jo. É graduado em composição musical e realiza, atualmente, um trabalho de pesquisa que reflete sobre a discursividade dos álbuns de canção, vinculado ao Programa de Pós-Graduação em Semiótica e Linguística Geral da FFLCH-USP e orientado por Luiz Tatit. Também atua como arranjador, cantor e violonista em diversos projetos – voltado sempre para o universo da canção popular.

 

Brincante Musical | Rogerio Santos

Data do evento: 12/7/19

Horário do evento: 22h

Duração: 70min

Classificação etária: livre

Ingressos: R$ 40,00 (inteira) e R$ 20,00 (meia)

 

Ingressos aqui

 

Acesso para deficientes. Ar condicionado. Lotação: 90 lugares.

Telefone para informações: (11) 3816-0575

 

VEJA PROGRAMAÇÃO COMPLETA

(...)

TAGS:

Eventos

11.05.2019 » ESPETÁCULO A NOITE QUE A MORTE DANÇOU - BRINCANTE & CIA »

O espetáculo A noite que a morte dançou, da Brincante & Cia, abre a temporada 2019 com apresentações em diversas cidades. Nos dias 1 e 2 de junho, no Teatro Minaz, em Ribeirão Preto; nos dias 8 e 9 de junho, no SESC Rio Preto, em São José do Rio Preto; também terão apresentações em Santos e em São Paulo em datas a confirmar.

 

O enredo conta, a partir de números de dança, circo, música e da interação com o público, a história sobre “A noite em que a morte dançou”. A narrativa é uma releitura de um conto africano que fala da visita inconveniente da morte em uma cidade, e que foi contornada pelo companheirismo e a criatividade de 2 irmãos gêmeos. Cada um deles interpreta diversos papéis e executa diferentes modalidades artísticas.

 

As duas apresentações são a estreia do projeto Brincante Itinerante, contemplado pelo Proac, do governo do Estado de São Paulo, com patrocínio da Copersucar e apoio da Global Pilates. Além do espetáculo, o projeto Brincante Itinerante realiza uma oficina gratuita nos locais de apresentação (confira as datas completas abaixo).

 

A oficina oferece (com teoria e prática) um espaço para a reflexão e repertório através de canções, brincadeiras, histórias e procedimentos da cultura popular brasileira, com a finalidade de promover a criação individual e do grupo. A partir dos princípios das manifestações brasileiras, mostra como utilizar este material – do corpo, da palavra, da música – de modo a ampliar o processo criativo do participante, independente da sua área de atuação. O material criado na oficina – seja poético, plástico, coreográfico – será inserido no espetáculo.

 

Teatro Minaz - Ribeirão Preto

Dias: 01/06/2019, às 21h, e 02/06/2019, às 18h

Local: Teatro Minaz 

Rua Carlos Chagas 259, 273 - Jd. Paulista, Ribeirão Preto. Tel (16) 3941-2722

Ingressos: R$ 20,00 (inteira) – R$ 10,00 (meia)

Ingressos aqui

Classificação Livre

 

Oficina A Arte do Brincante - gratuita

Dia: 01/06/2019, das 10h às 13h

Inscrições: meia hora antes no local

 

 

SESC Rio Preto - São José do Rio Preto

Dias: 08/06/2019, às 17h, e 09/06/2019, às 15h30

Local: SESC Rio Preto

Av. Francisco das Chagas Oliveira, 1333 - Chacara Municipal, São José do Rio Preto. Tel (17) 3216-9300

Entrada gratuita

Retirada de ingressos com 30 minutos de antecedência

Mais informações aqui

Classificação Livre

 

Oficina A Arte do Brincante - gratuita

Dia: 07/06/2019, das 15h às 18h

Inscrições: meia hora antes no local

 
 
 
Santos
 
datas e locais a confirmar
 
 
 
São Paulo
 
datas e locais a confirmar
 
 
 

 

 

(...)

TAGS:

Eventos

05.05.2019 » BRINCANTE MUSICAL | DUO PRISMAS | 7/6 »

À procura de uma substância

O Duo PRISMAS apresenta o diálogo entre repertórios de nichos musicais distintos, com releituras que transcendem as fronteiras imaginárias entre o tradicional, o popular, o experimental e o erudito. No repertório, coexistem o barroco Monteverdi, os grandes Joyce Moreno, Edu Lobo e Milton Nascimento e os contemporâneos Ligeti e Berio.

 

Joana Mariz

Doutora em peformance pela Unesp e professora de canto erudito e popular na Faculdade Santa Marcelina. Atua desde 1999 como cantora lírica e popular em recitais, óperas e oratórios e shows. É preparadora vocal do grupo Canto Ma Non Presto desde 2007 e docente na edição brasileira do método de canto crossover Somatic Voicework. É membro do Coletivo Vocal-SP desde sua fundação, em 2012.

 

Marcos Pantaleoni

Bacharel em Composição e Regência pela UNESP com aperfeiçoamento em regência orquestral em NY, EUA, é pianista premiado. Suas composições foram tocadas e gravadas em vários países. Ensina piano, composição e arranjo, é autor de materiais didáticos e faz música para cinema. É pianista e arranjador no Duo Prismas e compositor no projeto de artes integradas DINERGIA.

 

Tatiana Parra

Cantora e compositora, dividiu o palco e gravou discos com Chico Pinheiro, Ivan Lins, Benjamim Taubkin, Fabio Zanon, Omara Portuondo, Mario Adnet, entre outros.? Possui quatro discos próprios - “Inteira” (2010); “Aqui“ (2011) ; “Lighthouse” (2014) e “Hand in Hand “(2016). Recebeu, com os dois últimos álbuns, o primeiro lugar no Achava Jazz Festival e realizou tournées pelo Japão, Europa e Estados Unidos.

 

Flávio Rubens
Músico bacharel em clarinete pela Universidade Estadual Paulista – UNESP/SP (2002), também toca outros instrumentos como saxofone, flauta transversal, flauta doce, pífano e rabeca. Foi professor da Escola de Música de Brasília, da Casa da Música de Diadema, do Clube do Choro de Brasília, instrutor da Orquestra Filarmônica do SENAI/ SP e produtor executivo da Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional de Brasília. Já participou de festivais no Brasil e no exterior como Argentina, Colômbia, Peru, México, EUA, Canadá e Europa. Desde 2002 integra diversas montagens de teatro, musicais e grupos de dança.

 

Brincante Musical | Duo Prismas

Data do evento: 7/6/19

Horário do evento: 22h

Duração: 60min

Classificação etária: livre

Ingressos: R$ 40,00 (inteira) e R$ 20,00 (meia)

 

Ingressos aqui

 

Acesso para deficientes. Ar condicionado. Lotação: 90 lugares.

Telefone para informações: (11) 3816-0575

 

 

VEJA PROGRAMAÇÃO COMPLETA

 

(...)

TAGS:

Eventos

25.05.2019 » BRINCANTE MUSICAL | DANIEL MURRAY | 5/7 »

Nesse show, Daniel Murray mostra arranjos inéditos para violão solo de obras de Egberto Gismonti: 7 anéis, Dom Quixote, Carmem, Choro, Frevo, Baião Malandro entre outras. O repertório e composto de peças que foram recentemente gravadas no álbum "Universo Musical de Egberto Gismonti". O álbum, produzido pelo compositor em questão será lançado neste ano 2019 pelo selo Carmo em parceria com a ECM.

 

Daniel Murray (1981)

Considerado um dos mais talentosos violonistas brasileiros de sua geração, Daniel Murray desenvolve ativa carreira como intérprete e compositor, apresentando-se no Brasil, America Latina e Europa desde 1998.

 

A conquista de seu primeiro prêmio, no “Concours International de Guitarre de Trédez-Locquémeau” - Bretanha – França, aos 14 anos de idade, marca o início de sua carreira. Sua discografia é composta por onze álbuns, cinco dos quais dedicados ao violão solo. Seu primeiro trabalho, gravado em 2008 – “Universos Sonoros para Violão e Tape”, foi realizado através do prêmio Petrobrás Cultural. Depois, seguiram-se “Tom Jobim para Violão Solo” e “Autoral”, ambos produzidos por Paulo Belinatti, “Universos em Expansão”, dedicado à música erudita contemporânea, além de trabalhos gravados como integrante do Duo Saraiva-Murray, Trio Opus 12, Quarteto Tau e Núcleo Hespérides.

 

Em 2011, realiza turnês internacionais, tocando em Londres (Saint Martin in the Fields, National Theatre, entre outros), Cambridge, Atenas, Paris, Saint Germain les Corbeil, Septveaux, além de participar da BIG (Bienal do Violão) em Chambéry/Lyon e do “MIDEM Festival” em Cannes. Também se apresentou como solista na “Porgy and Bess”, tradicional casa de shows em Viena, como o único brasileiro selecionado para integrar a programação da “Classical NEXT”, importante plataforma internacional para a música erudita. Na Dinamarca, apresentou-se no Royal Danish Conservatory of Music, além de ter realizado uma série de concertos didáticos através da LMS - Levende Musik i Skolen.

 

Em 2015, foi indicado ao “Prêmio Concerto” por sua atuação como solista. Em 2016, gravou, na Dinamarca, o álbum "Brazilian Landscapes" (OurRecordings/Naxus), ao lado de Michala Petri (flauta doce) e Marilyn Masur (percussão), conquistando o segundo lugar no Global Music Award. Também neste ano, sua composição “Canção e Dança” lhe rendeu o primeiro lugar no “Concurso Novas III”. Em 2017, fez seu début como solista, interpretando o concerto de Heitor Villa-Lobos, além de sua composição “Camarecóica” junto à Israel Chamber Orquestra (ICO) sob a batuta de Doron Salomon, em Tel-Aviv. Em 2018, recebeu o prêmio de destaque no “FMCB - Festival de Música Contemporânea Brasileira” por sua performance em homenagem a Egberto Gismonti. Neste ano, ainda foi solista da Orquestra Sinfônica Nacional (OSN) em Brasília e da Camerata da Orquestra Experimental de Repertório (OER), além de realizar turnê na Alemanha, promovendo seu recente álbum solo, intitulado “14-37 - Brazilian music for solo guitar” (Acoustic Music Records), onde faz uma retrospectiva de sua carreira. 

 

danielmurray.com.br

youtube.com/hugguitar/videos

facebook.com/danielmurraybr/

 

Brincante Musical | Daniel Murray

Data do evento: 5/7/19

Horário do evento: 22h

Duração: 70min

Classificação etária: livre

Ingressos: R$ 40,00 (inteira) e R$ 20,00 (meia)

 

Ingressos aqui

 

Acesso para deficientes. Ar condicionado. Lotação: 90 lugares.

Telefone para informações: (11) 3816-0575

 

VEJA PROGRAMAÇÃO COMPLETA

(...)

TAGS:

Eventos

03.05.2019 » BRINCANTE MUSICAL | LUIS FELIPE GAMA E ANA LUIZA CONVIDAM ARRIGO BARNABÉ | 24/5 »

Show "Águas de Prata | Segundo Ato" - Luis Felipe Gama e Ana Luiza convidam Arrigo Barnabé

 

O encontro entre a cantora e os pianistas/compositores celebra, neste espetáculo, a admiração artística mútua e a fértil mistura entre suas músicas. No repertório destacam-se temas de Luis Felipe Gama cantados por Arrigo e Ana Luiza, canções de Arrigo interpretadas pelo duo, além de canções da parceria Gama/Barnabé.

 

Na voz solista de Ana Luiza, ou em duo com ela, Arrigo arquiteta um espetáculo que revela a proximidade de suas obras, de estéticas baseadas na sintaxe da música de concerto, na proximidade do canto com a fala, na poesia feita canção e na voz feita instrumento.

 

Luis Felipe Gama, pianista, compositor, letrista e arranjador, e Ana Luiza, cantora e compositora, trabalham em duo desde 1994. Constrõem uma poética musical fundamentada na canção popular brasileira, com forte cunho instrumental, que dialoga de maneira quente e inventiva com a músicas de diferentes gêneros, tempos e lugares.

 

O duo reúne admiradores e parceiros de canções, palcos e estúdios, um amplo espectro de artistas, como Ney Matogrosso, Chico Buarque, Milton Nascimento, Dominguinhos e Elba Ramalho, Guinga, Delcio Carvalho, Mauricio Carrilho e Marcio Borges, Zeca Baleiro, Chico Cesar e Cida Moreira, além do cubano Pablo Milanés e uma série de nomes latinoamericanos e europeus.

 

Arrigo Barnabé, desde a década de 70, é considerado um dos mais inovadores artistas da música brasileira, por reunir em sua estética elementos da música clássica, em especial o atonalismo e o dodecafonismo, com a poesia cancional urbana, performances de alto impacto e um lirismo ácido e cortante. É parceiro de Luis Felipe Gama, ora como letrista, ora como compositor.

 

 

Brincante Musical | Luis Felipe Gama e Ana Luiza com Arrigo Barnabé

Data do evento: 24/5/19

Horário do evento: 22h

Duração: 90min

Classificação etária: 12 anos

Ingressos: R$ 50,00 (inteira) e R$ 25,00 (meia)

 

Ingressos aqui

 

Acesso para deficientes. Ar condicionado. Lotação: 90 lugares.

Telefone para informações: (11) 3816-0575

 

 

VEJA PROGRAMAÇÃO COMPLETA

 

(...)

TAGS:

Eventos

06.05.2019 » BRINCANTE MUSICAL | BEBA ZANETTINI SEXTETO | 14/6 »

O pianista, compositor e arranjador paulista Beba Zanettini apresenta-se no Teatro Brincante no dia 14 de junho, sexta, às 22h.

 

No roteiro da apresentação estão composições do disco Canto da Areia, lançado por Beba em 2017, além de músicas de grandes compositores brasileiros como Lenine, Dorival Caymmi e João Bosco. O sexteto de Beba Zanettini (piano e teclado) traz músicos do calibre de Marcos Klis (contrabaixo), Paulo Oliveira (sax e flauta), Felipe Ávila (guitarra), Gudino Miranda (bateria) e Keila Abeid (voz).

 

Repertório: Virou Areia (Lenine), Sereia (Beba Zanettini), Umaih (Beba Zanettini), Del Sur (Beba Zanettini/ Liliana Morales), Salsinha (Beba Zanettini/ Olívia Genesi), A vizinha do lado (Dorival Caymmi), Hoppe Reiter Schaun (Beba Zanettini/ Eva Jagun).

 

Brincante Musical | Beba Zanettini Sexteto

Data do evento: 14/6/19

Horário do evento: 22h

Duração: 75min

Classificação etária: livre

Ingressos: R$ 40,00 (inteira) e R$ 20,00 (meia)

 

Ingressos aqui

 

Acesso para deficientes. Ar condicionado. Lotação: 90 lugares.

Telefone para informações: (11) 3816-0575

 

 

VEJA PROGRAMAÇÃO COMPLETA

 

(...)

TAGS:

Eventos

03.05.2019 » BRINCANTE MUSICAL | PAULA SANTORO CONVIDA RAFAEL VERNET | 31/5 »

Paula Santoro convida Rafael Vernet é a comemoração de uma longa parceria musical em que pianista e cantora respiram juntos e improvisam com total liberdade. O show é uma compilação de projetos e CDs que realizaram juntos nesses anos todos. No repertório, canções como Canção do Sal (Milton Nascimento), Não é Céu (Vitor Ramil), Vento Quente(Rafael Vernet), Léo (Milton Nascimento e Chico Buarque), Alegria (Léo Minax e Chico Amaral), Homem ao Mar (Zé Paulo Becker e Mauro Aguiar), Flor (Frederico Demarca e Marcelo Fredá), Yemanjá Rainha (Moacyr Luz e Aldir Blanc), entre outras.

 

Paula Santoro

Uma das maiores intérpretes de sua geração. Além de cantora, é preparadora vocal, radialista e fonoaudióloga.  Dividiu o palco ou estúdio com Chico Buarque, Edu Lobo, Milton Nascimento, Lô Borges, Arthur Verocai, Toninho Horta, Flávio Venturini, Angela RoRo, Yamandú Costa, Leila Pinheiro, Alcione, Mário Adnet, Joyce, Monica Salmaso, Criolo, Mano Brown, entre outros. 

 

Ganhou diversos prêmios, tais como: Prêmio Visa (3o lugar), Prêmio Grão de Música, Troféu Faísca como Melhor cantora de Minas Gerais, IV Festival de Música da Rádio MEC e Nacional como Melhor Intérprete; e foi indicada ao prêmio Rival Petrobrás de Música, ao Prêmio Profissionais da Música e ao Press Awards US.

 

Dos shows que realizou fora do Brasil, destacam-se: turnês pelos EUA e Europa, turnê na Índia (2010) à convite da Embaixada do Brasil; turnê pela Itália, em duo com o compositor Guinga (2007); participação no programa de TV “Later with Jools Holland” da prestigiosa BBC de Londres, no palco ao lado do de Amy Winehouse. Cantou em importantes projetos, festivais e programas de TV: Festival Tudo é Jazz; Sintonia Fina, com curadoria de Nélson Motta; Projeto Pixinguinha, excursionando com Wilson das Neves e banda; Som Brasil (TV Globo) em homenagem a Ivan Lins (lançado em DVD); minisséries Chiquinha Gonzaga, Aquarela do Brasil e Maysa (TV Globo). No teatro, atuou em musicais como "Manoel, o Audaz", "Mulheres de Hollanda" e "Aldir Blanc, Um Cara Bacana". Começou sua carreira cantando ao lado do cantor e compositor Sérgio Santos, depois ingressou no grupo vocal Nós & Voz e posteriormente, integrou a banda Sagrado Coração da Terra do compositor e arranjador Marcus Viana com quem cantou a trilha de Pantanal e Ana Raio e Zé Trovão (tema de abertura). 

 

Rafael Vernet

Iniciou sua carreira artística ainda jovem, em Bagé, onde realizou diversos concertos, sendo premiado em vários concursos regionais e nacionais de piano erudito. ?No início dos anos 80, mudou-se para Porto Alegre, onde passou a atuar em diversos grupos musicais de variados gêneros, como pianista e arranjador, acompanhando artistas gaúchos.Na década de 1990, radicou-se no Rio de Janeiro e participou de shows e gravações com vários artistas, entre os quais: Hermeto Pascoal, Chico Buarque, Ed Mota, Toninho Horta, Paulinho da Viola, Zé Renato, Jean Paul Maunick, Josee Koning, Eugênia Melo e Castro, Joyce, Wilson das Neves, Alcione, Roberto Menescal, Wanda Sá, Chico Pinheiro, Luciana Mello, Paula Santoro, Monarco, Fátima Guedes, Carlos Bala, Márcio Montarroyos, Mauro Senise, Ricardo Silveira, JT. Meirelles, Idriss Boudrioua, Paulo Russo, Kiko Freitas, Marcos Suzano, entre outros, participando também de várias turnês nacionais e internacionais com alguns desses artistas.

 

Apresentou-se em vários países e em festivais de jazz, destacando-se: "Roma Jazz Festival" (Itália), "Montreux Jazz Festival (Suíça), "North Sea Jazz Festival" (Hollanda), "Jazz Festival de Vitória" (Espanha), "JVC Jazz Festival" (França), "Glasgow Internacional Jazz Festival" (Escócia), "Bladford Festival" (Inglaterra), além de clubes de jazz como New Morning (Paris), Blues Note (Tóquio), Ronnie Scott's (Londres), Jazzkeller (Munique), Onda Jazz (Lisboa), Jazz Café (Londres), Harlem Jazz Club (Barcelona), Bayerscher Hof Club (Munique) e Guanabara (Londres).?Em 1988 passou a integrar, com Xande Figueiredo (bateria) e Eduardo Neves (sopros), o grupo instrumental “Trato a Três”.?Em 1994, lançou o CD "Balya".?O “Trato a Três” foi um dos vencedores (terceiro lugar), na categoria "Melhor Grupo Instrumental" do "IV Prêmio Visa".?Além de instrumentista, Rafael é também produtor de discos e arranjador.

 

 

Brincante Musical | Paula Santoro convida Rafael Vernet

Data do evento: 31/5/19

Horário do evento: 22h

Duração: 90min

Classificação etária: livre

Ingressos: R$ 40,00 (inteira) e R$ 20,00 (meia)

 

Ingressos aqui

 

Acesso para deficientes. Ar condicionado. Lotação: 90 lugares.

Telefone para informações: (11) 3816-0575

 

 

VEJA PROGRAMAÇÃO COMPLETA

 

(...)

TAGS:

Eventos

16.04.2019 » BRINCANTE MUSICAL | BETH AMIN | 10/5 »

Beth Amin, cantora e compositora paulistana, faz o show “Outras Canções”. Nessa noite, ela apresentará a canção “Vagalume”, uma parceria com o compositor Jean Garfunkel. A música é inédita, será gravada e lançada no segundo semestre deste ano. Recentemente, Beth foi citada na lista de artistas promissores da música brasileira feita pelo crítico musical Zuza Homem de Mello. Em declaração dada ao programa Canal Livre, da TV Bandeirantes, o jornalista destacou cantores e instrumentistas. “Eles me parecem todos prontos, com discos já bem feitos e têm tudo para tornarem-se uma obra que vai permanecer. Essa gente toda está fazendo um trabalho maravilhoso, que fica e que honra a música brasileira, ressaltou Zuza”.



O evento ocorre no palco do Instituto Brincante, dia 10/05, sexta-feira, às 21h. Além da estreia da canção “Vagalume”, Beth apresentará o recém-lançado single “Meio meio”, músicas de seus três discos e outras canções inéditas compostas por Beth e parceiros de longa data. A apresentação tem o acompanhamento do quarteto de cordas formado pelos músicos Yaniel Mattos (violoncelo), Sidiel Vieira (baixo acústico), Deni Domenico (violão e cavaco) e Felipe Souza (violino).



Sobre Beth Amin
Beth Amin é uma compositora, cantora e fonoaudióloga especializada em voz. Atua como preparadora vocal do Coralusp e com preparação e reabilitação vocal de cantores e atores. Também faz preparação vocal para espetáculos teatrais. Recentemente atuou na preparação dos atores da peça O Rei da Vela, de Oswald de Andrade, dirigida por José Celso. No espetáculo Roda Viva (em cartaz), de Chico Buarque, também dirigido por José Celso, fez a preparação dos atores e participa do elenco como cantora. Formada em fonoaudiologia pela PUC-SP e em Professional Music pela Berklee College of Music, EUA. Beth começou sua carreira como cantora, em São Paulo, ainda adolescente. Ingressou no Coralusp e participou do Grupo Beijo, bastante atuante na cena paulistana do início dos anos 90. Sua carreira de compositora iniciou-se durante os estudos nos Estados Unidos. Hoje trabalha em parceria com poetas, musicando suas poesias. Seu disco de estreia foi o "Blue Morning", ainda nos EUA, em 1997. Em 2009, lançou o segundo disco autoral, intitulado “Poesia à toa”, produzido pelo músico/arranjador/produtor Yaniel Matos. "Túneis" é do ano de 2016, foi co-produzido por Yaniel Matos e conta com as participações de Fernando Catatau e Zé Nigro na concepção sonora.



Yaniel Matos (cello)
Yaniel estudou violoncelo e piano no conservatório Estevan Sala, em Santiago de Cuba, concluiu os estudos de composição e violoncelo em Havana, no Instituto Superior de Arte. Em 2000, muda-se para São Paulo. Três anos depois,forma o Mani Padme Trio com o baterista Ricardo Mosca e o baixista Du Moreira, e grava seu primeiro CD “Um Dia de Chuva". O segundo CD do Mani Padme Trio, “Depois” foi lançado em 2007, com o baixista Zeca Assumpção e tendo no sax e flauta Teco Cardoso. No ano de 2006, Yaniel cria o grupo “Cuba Jazz Plus”, quinteto de jazz contemporâneo formado por jazzistas cubanos. Em seu mais recente CD, “En Movimiento”, Yaniel se apresenta com um sexteto. Esse trabalho foi indicado na categoria Jazz no Festival Cuba Disco e realça a irmandade sonora que ele cria entre Cuba e Brasil. Yaniel já tocou e gravou com Carlinhos Brown, Célia Cruz, Kiko Loureiro, Angra, Timbalada, Heartbreak, Jane Brunnett, Los Jubilados, Antonio Pinto, Bid, Max de Castro e Rosário Flores. Produziu CDs de vários artistas, entre eles “Poesia à toa”, de Beth Amin. É professor de Piano popular na Faculdade Cantareira.

 


Felipe de Souza (violinos)
Bacharel pelo Berklee College of Music, EUA e Mestre em Artes pela Aaron Copland School of Music, EUA. Em São Paulo, formou-se pelo Instituto de Áudio e Vídeo (IAV) como técnico de áudio. Atuou como violinista ao lado de artistas como Stéphane Grappelli, Caetano Veloso, Bebo Valdés, Chucho Valdés, Dori Caymi, Terence Blanchard, Mark O´Connor, Jerry Goldsmith, Carlinhos Brown, André Juarez, Bob Moses, Cheickh Lô, Beth Amin, Peu Meurray, David Sanchez, Tiago Pinheiro, Jack Elliot, Alex Acuña, Mônica Vasconcelos, Tamima Brasil, Christian McBride, Marcos Suzano. Trabalhou com produção musical na Germ Music NY. Em Nova York, realizou a direção musical do espetáculo "Valsa nº 6”, de Nelson Rodrigues. Atuou como violinista em várias produções como "Ópera das Pedras" de Denise Milan e "Onqotô" do Grupo Corpo com Caetano Veloso e José Miguel Wisnik. Direção musical e participação como violinista no show "Candombless" de Carlinhos Brown. Diretor musical e violinista do grupo Hip Hop Roots. Fundador e diretor do projeto "Violino Percussivo”. Educador, arranjador, compositor e produtor. Atualmente trabalha na equipe da produtora Input Arte Sonora, em São Paulo.

Sidiel Vieira (contra-baixo acústico)
Aos 13 anos começou seus estudos musicais na Escola Municipal de Música cursando contrabaixo acústico com o professor húngaro Sandor Molnar. Também Cursou Contrabaixo Elétrico na Fundação das Artes de S.C. do Sul. Logo em seguida, cursou na Universidade Livre de Música contrabaixo elétrico com o professor Itamar Collaço, onde também cursou Regência com os maestros Luis Fernando Marchetti e Roberto Farias. Já foi membro da Orquestra Jovem Tom Jobim onde acompanhou Jhonny Alf, Filó Machado, Jane Duboc, Theo de Barros, Dominguinhos, e também na Banda Jazz Sinfônica de Diadema que recebeu convidados como Nailor Proveta, Bocato, Fabiana Cozza e Vinicius Dorin. Atualmente faz parte do quarteto Sinequanon, da banda instrumental de Ed Motta, do trio Mani Padme formado pelo pianista cubano Yaniel Matos e o baterista Ricardo Mosca. Também toca no Blue Seven, septeto liderado pelo saxofonista americano Ohad Talmor.

Deni Domenico (violão e cavaco)
Compositor, cantor, instrumentista e arranjador. Em 2008, se formou em Educação Musical pela Universidade Estadual Paulista (UNESP). Lançou, em 2012, seu primeiro disco autoral, "Consoante". Tem também canções gravadas por Beatriz Azevedo, Paula Souto e Tino de Lucca. Venceu o Festival “Interunesp” de MPB de Ilha Solteira em 2005 e 2006, além de ser premiado como melhor intérprete em 2008. Assinou arranjos e produção de discos como “O último disco da terra”, da banda Língua de Trapo (indicação Grammy Latino 2017), o disco “Eterno retorno”, de Guca Domenico, "Leve", de Paula Souto, "Inequação", de Tino de Lucca, "Chico no Choro", do grupo Choro Moço, "Sem Descanso", de André Mastro. Possui vasta experiência como violonista e cavaquista, tendo já acompanhado dezenas de artistas e grupos. Realizou turnês pela Europa (2012 a 2016), uma pelos EUA (2014) e duas pela Argentina (2013 e 2014). Foram mais de 14 países onde realizou, além dos concertos, workshops sobre o Choro e sua história no Conservatório de Chatou (Paris/FR), UDK (Berlim/ALE) e a Escola de Choro de Roterdã (HOL). Atua como diretor do Clube do Choro de São Paulo.

 


Brincante Musical | Beth Amin
Data do evento: 10/5/19
Horário do evento: 22h
Duração: 90min
Classificação etária: livre
Ingressos: R$ 40,00 (inteira) e R$ 20,00 (meia)



Ingressos aqui

Acesso para deficientes. Ar condicionado. Lotação: 90 lugares.
Telefone para informações: (11) 3816-0575

 

VEJA PROGRAMAÇÃO COMPLETA

 

(...)

TAGS:

Eventos

16.04.2019 » BRINCANTE MUSICAL | AUGUSTO TEIXEIRA & GRUPO | 3/5 »

O Show Estação Felicidade, de Augusto Teixeira e Grupo, passeia por ritmos brasileiros valorizando o sentido poético musical. No repertório, as canções do álbum homônimo contou com a participação de grandes nomes da música brasileira, dentre os quais estão Ceumar e Zeca Baleiro. Também foi classificado na 11ª posição entre os Melhores da Música Brasileira de 2018 pelo site Embrulhador.

 

Augusto Teixeira
Augusto Teixeira, compositor, cantor e violonista, estudou violão e canto na Emesp, em São Paulo, e filosofia na Unesp Marília. Lançou seu primeiro álbum, “Estação Felicidade” em 2018. Tendo como base a voz e o violão, o disco tem as participações de Ceumar, Zeca Baleiro. Foi contemplado com o 11ª. lugar na lista dos Melhores Discos de Música Brasileira de 2018 pelo site Embrulhador. Atualmente está em turnê de lançamento do álbum e prepara seu segundo álbum.

 

Lilian Estela
Voz e Percussão: cantora e compositora, se apresentou em SESCs, como o show “Samba Nosso”, “Lilian reverencia Bethânia”, em homenagem à grande artista baiana e “Doce Pimenta”, em homenagem à Elis Regina.

 

Maiara Moraes
Flautista de Florianópolis, passou pelo Conservatório de Tatuí, pela EMESP e por professores particulares em Buenos Aires e São Paulo. Graduou-se em licenciatura pela UDESC e no mestrado em música pela UNICAMP. Participou de vários grupos musicais e de gravações juntamente com grandes nomes como Proveta, Arismar do Espírito Santo, Arrigo Barnabé, da Orquestra Mundana e Orquestra Mundana Refugi. Em 2018 lança seu álbum “Maiara Moraes Quarteto”, “Nós”.

 

Leo Costa – Violão
Violonista, compositor, instrumentista, arranjador e produtor. Produziu e lançou seu primeiro álbum “Leo Costa” em 2017. Recebeu o Prêmio Funarte de Música Brasileira pelo coletivo de violonistas “Comboio de Cordas”, em 2012.

 

Kabé Pinheiro – Percussão e Bateria
Já dividiu o palco com artistas como: Jair Rodrigues, Gilberto Gil, Maria Bethania, Vanessa da Mata, Maria Gadú, Dominguinhos, Maria Rita, Alcione, Filó Machado.

 

 

Brincante Musical | Augusto Teixeira & Grupo – Estação Felicidade
Data do evento: 3/5/19
Horário do evento: 22h
Duração: 90min
Classificação etária: livre
Ingressos: R$ 40,00 (inteira) e R$ 20,00 (meia) 

 

Ingressos aqui.

 

Acesso para deficientes. Ar condicionado. Lotação: 90 lugares.
Telefone para informações: (11) 3816-0575

 

VEJA PROGRAMAÇÃO COMPLETA

 

(...)

TAGS:

Eventos